Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for Fevereiro, 2006

O J., amigo da K….

Ora bem… o J., amigo da K., tem este sítio maravilhoso! E como o J. é muito simpático, diz que se sentiria muito honrado se eu o colocasse por aqui!

Não caro amiguinho… eu é que me sinto muito honrada por me deixares colocar-te por aqui! ;)
Anúncios

Read Full Post »

Sorrisos cor-de-rosa!!!!

Pelos vistos as sessões de mimos continuam por mais uma semana – deve ser para eu não sentir muito estranho este quarto de século mais um! – e agora até o meu fantástico Papá e a minha genial Mamã aderiram à campanha “vamos mimar a xaninha mai linda deste mundo até ela não aguentar mais!”!

Assim, hoje de manhã (ok, ok… ao final da manhã!), quando acordei, tinha esta beleza aqui ao lado só pra mim! Fogo… não caibo em mim de contente!!!!

Read Full Post »

Bem me parecia!!!!


Cof Cof Cof

Claro que, com tantas qualidades, eu só poderia ter como parentes os belos felinos que, para além da inteligência, independência, elegância, estilo, etc e tal, ainda gostam de dormir, em média, 18 horas por dia!!!!

Cof Cof Cof

Read Full Post »

Oh diazinho complicado o de ontem… cheio de boas surpresas, mas ainda assim, complicadote!

Então.. vamos lá!…

1) manhã com a T.; prendinha surpresa? o meu pecado mortal, o perfume da minha vida… aquele que se pode ver na imagem mesmo aqui ao lado…

2) tarde com a H.; prendinha surpresa? Wilt in Nowhere, de Tom Sharpe… com uma deliciosa dedicatória! Ah pois é!!!

3) noite com a K., que me apareceu de repente, depois de muitas combinações e alterações de planos que confundiriam as pessoas mais iluminadas deste mundo e de todos os outros!; prendinha surpresa? Budapeste, de Chico Buarque… a lembrar a nossa primeira grande viagem… que nos levou de passagem por essa multicolor cidade!

:) Obrigada às três! As três que, muito antes do lugarzinho especial neste meu alfabeto, já ocupavam magestosamente os devidos lugares no meu coraçãozito! ;)

Read Full Post »

A T., a H., e o Moleskine!

Tem estado a ser um bom dia!

Para além de ver a bela cidade do Porto de manhã (coisa mui rara, pois tá claro!), tenho estado com as minhas amiguinhas do coração… coisa que tem sido difícil visto que cada uma de nós está em sítios muito diferentes desta nossa pequena portugalidade!

Assim, depois de ter passado um tempinho muito agradável a pôr a conversa em dia com a T., fui levá-la à estaçãozita da CP para ela ir para a interioridade – encher a “famelga” de mimos, ainda que só por dois diazinhos!

Depois disso, foi ir buscar a H., que chegou da outra ponta do portugalmente, para ir tomar um banho de shopping center – um autêntico banho de acivilização, próprio para quem precisa estupidificar um bocadinho, ao mesmo tempo que enche a barriga de riso com as aventuras e desventuras de uma mulher do norte a viver no sul!

É claro que aproveitei para cumprir, mui obedientemente, diga-se de passagem!, a extraordinariamente séria decisão de ontem! E, assim, o meu lindo moleskine já cá canta! Agora é só armar-me em grande coisa, em pseudo-intelectual, e encher o belo notebook de letrinhas! ;)

Read Full Post »

…moleskine…

Primeira decisão imensamente séria do quarto de século mais um:

– comprar um destes! Se quero ser uma versão cheia de humor de um Van Gogh, Chatwin, Hemingway ou Matisse, então tenho de ter um destes nas mãos…

(quanto mais não seja para escrever todos aqueles desabafos que até agora reservo ao meu tão vulgar caderninho A5 de capa preta… aquele que suporta todos os insultos absolutamente não-publicáveis…)

Assim, my dear Moleskine… aguarda-me! em breve serás meu!!!!

Read Full Post »

…carnaval????

Estes dias são um pesadelo… Afinal, não há nada como ir ao supermercado e ter de pedir licença a um qualquer monstro horroroso que, ou nos está a impedir a passagem, ou tem uma máscara tão grande que, por mais que se esforce, não consegue ver onde põe os pés…

Não gosto particularmente do carnaval… ou, melhor dizendo, gostaria de estar em Veneza, onde me parece haver mais de romantismo e beleza (sim, sim… e orgia, e etc e tal!!!)…

Assim, lamento, mas parece-me que a única vantagem do carnaval aqui por terras lusas, vulgo, portugalmente, é perceber que cada pessoa escolhe a máscara que mais lhe convém… e será mesmo que o mau gosto e a monstruosidade são o que mais impera no quotidiano???? (a julgar pelas amostras….)

Read Full Post »

Older Posts »